quarta-feira, 6 de junho de 2012

REVISE SEU VEÍCULO ANTES DE VIAJAR NO CORPUS CHRISTI

REVISE SEU VEÍCULO ANTES DE VIAJAR

PARA EVITAR TRANSTORNOS NA ESTRADA, VERIFIQUE SE OS ITENS DO SEU CARRO ESTÃO EM ORDEM. O GUIA DA SEMANA CONSULTOU PROFISSIONAIS DO RAMO QUE DÃO AS DICAS PARA OS USUÁRIOS. TOME NOTA!

Antes de pegar a estrada, além de realizar os procedimentos de praxe, como arrumar as malas e planejar o roteiro, é preciso também verificar as condições de seu veículo. A falta de atenção com detalhes essenciais pode transformar a viagem de seus sonhos em um verdadeiro pesadelo. Muitas pessoas têm o percurso interrompido por problemas que podem ser evitados se observados previamente.

O professor de Engenharia Mecânica e Coordenador do Centro Inova de Tecnologia da FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), José Augusto Lopes, ressalta que revisar os sistemas do automóvel antes que falhas ocorram é sempre mais eficaz do que a manutenção corretiva, pois esse hábito diminui a ocorrência de eventuais transtornos.

"O procedimento de inspeção do veículo deve ser realizado não só antes das viagens, como também periodicamente. É importante fazer a calibragem dos pneus semanalmente, trocar o óleo do motor a cada dois mil quilômetros, verificar o sistema de freios a cada cinco mil quilômetros e fazer, a cada 10 mil quilômetros, uma revisão mecânica básica: troca velas, controle do nível de água e óleo do motor e averiguação do funcionamento correto do motor em marcha lenta", alerta.

Especialista no ramo, Denis Marrum, engenheiro mecânico da oficina Chevy, complementa os conselhos dando destaque para alguns pontos que devem ser observados com mais atenção: "O motorista deve estar atento às correias do motor. O caso de falha da correia do alternador, por exemplo, pode resultar em pane elétrica, pois a mesma é a responsável pela geração de energia dentro do carro. Já o rompimento da correia dentada, responsável pela coordenação interna dentro do motor, pode causar pane mecânica, além de gerar danos significativos em termos de valores. Os freios, a direção e os amortecedores também precisam estar em boas condições de uso, pois o contrário pode originar sérios acidentes na estrada", diz.

Denis ressalta também que as revisões devem ser realizadas conforme a orientação do fabricante e, em geral, dependem da quilometragem percorrida e tempo de uso (vide respectivos manuais). "Contudo, alguns problemas podem ser solucionados se observados previamente: pontos carecas nos pneus sugerem problemas com a suspensão, que possivelmente precisa de alinhamento ou substituição de peça. Quando o consumo de combustível aumenta, o painel acende alguma luz indicativa ou ocorre emissão de ruído estranho no motor, um profissional deve ser procurado", conclui.

Mulheres e mecânica
Tendo em vista que a maioria das mulheres não domina assuntos de mecânica, além de passar por situações de apuros, elas muitas vezes se tornam vítimas de profissionais mal intencionados.

Para evitar esse tipo de constrangimento em postos e oficinas mecânicas, Denis Marum aconselha que os itens básicos do manual sejam conferidos e estudados.

Problemas na estrada: o que fazer?
José Augusto Lopes dá as dicas para o motorista que está na estrada e é acometido por pane - elétrica, mecânica ou seca (falta de combustível) e outros eventuais problemas:

Tente parar o carro no local mais seguro possível, de preferência um acostamento ou posto de combustível e saia de dentro dele. Em seguida, deve ser acionada a iluminação de emergência e a sinalização auxiliar, mantendo o triângulo numa média de cinco metros de distância.

Evite infrações e (ou) perda de pontos na CNH
A falta de cuidados com o veículo também é passível de multas e/ou perda de pontos na carteira de habilitação. Fique atento aos tópicos citados Por José Augusto Lopes para se resguardar desse tipo de situação:

Evite problemas com o sistema de iluminação e sinalização; extintor fora de condição de operação; não uso do cinto de segurança, inclusive no acento traseiro; circulação com pneus carecas; mau funcionamento dos limpadores de pára-brisa; falta de dispositivos para troca do estepe ou mesmo falta de combustível.

Se você pretende se interar mais a respeito do assunto, faça um curso prático de mecânica.

DICAS
Confira alguns cuidados básicos que você deve ter com seus veículo!

Itens que precisam de revisão periódica:

*Nível do reservatório de água; *Nível de óleo do motor, disponibilidade e funcionalidade dos cintos de seguranças dianteiros e traseiros; *Condição das pastilhas de freio; *Calibragem correta dos pneus, conforme manual do veículo; *Validade e condição de pressão do extintor de incêndio; *Fluido de freio e direção hidráulica, se for o caso; *Condição de uso do estepe; que deve ter sulcos com dois milímetros de profundidade; *Sistema de iluminação do veículo (faróis baixos, altos e setas; luz de freio, de ré; luzes de emergência ou pisca alerta); *Condição dos limpadores de pára-brisa; porte do triângulo sinalizador e dispositivos para troca de pneus; *Sistema de suspensão, principalmente dos amortecedores; *Porte de lanterna para viagens noturnas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário